A quem interessa a demonização da política? Artur Bolinha

 

No clima de radicalização em que estamos vivendo nos últimos anos, a paixão de uns e outros têm enveredado pelo caminho de considerar a política como algo profundamente nocivo e as legendas partidárias como feras famintas e prontas para atacar a caça. Esse tipo de raciocínio acaba nos levando ao caminho inverso ao que todos desejam: a transformação da realidade.

Esse cenário só demonstra que, numa democracia,a demonização da política, dos seus interlocutores e da sua importância é uma incoerência para quem pretende mudanças. Trata-se de um discurso que pode ser confortável e apelativo, mas nada mais do que isso. Nós temos que ter o cuidado para não generalizar. Achar que todo mundo não presta. A apuração tem que ser feita no Estado democrático de Direito. As pessoas tem que ter liberdade de expressão, mas na liberdade de expressão tem que ter direito e dever.

Estamos vivendo o momento da experimentação de uma nova forma de fazer política e ela deve ser aproveitada tanto pelos defensores da direita quanto pelos da esquerda através de um engajamento político claro e consistente. Esse envolvimento hoje é muito mais factível diante da comunicação direta permitida pelas redes sociais e do maior interesse pelos assuntos da vida pública no contexto de crise nacional.

O Brasil, nesse especial momento da sua história, tem a chance de passar uma lição de democracia robusta para além de efêmeros discursos de retórica moralizante, mostrando que a política não é incompatível com o combate à corrupção feito pelo Ministério Público e Poder Judiciário. Muito pelo contrário. É no ambiente de pluralismo e participação que as instituições crescem e não no de idolatria, histeria e polarização.

A quem interessa a demonização da política? Aos políticos corruptos. Eles querem que o povo desacredite da política, se desinteresse, que todos pensem que não há mais jeito de mudar, que todos são iguais. Com isso a população se torna cada vez mais distante da política. Assim, com o povo longe da política, a política fica ainda mais dominada por eles. Vamos parar com essa demonização. Ela atende a interesses escusos, e não aos anseios da população.

Artur Bolinha

Load More Related Articles
Comments are closed.