Policia apreende munições e explosivos em CG e Puxinanã

 

A Polícia Civil da Paraíba, por meio de ação conjunta da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande – DRF/CG e Delegacia de Repressão a Entorpecentes de Campina Grande – DRE/CG, desencadeou na manhã desta quarta (09) a chamada Operação Mercador, nos municípios de Campina Grande e Puxinanã, resultando na apreensão de cerca de cinco mil munições e cinquenta e cinco artefatos explosivos (com cordéis detonantes), além de uma pistola calibre 380, roubada no estado da Bahia e várias ferramentas utilizadas em “explosões” bancárias.

Três pessoas foram presas, suspeitas de comercializar armas e munições, fornecendo-as para integrantes de uma ORCRIM voltada para os crimes contra instituições financeiras/bancárias na região de Campina Grande. Os suspeitos também mantinham um sítio na zona rural de Puxinanã, usado como base de reunião do grupo criminoso e local para armazenamento de material explosivo. Mais detalhes serão fornecidos amanhã, às 10 da manhã, na Central de Polícia Civil de Campina Grande.

ascom

Load More Related Articles
Comments are closed.