Mais dois estados terminaram o recadastramento biométrico (identificação pelas digitais) de seu eleitorado: a Paraíba e o Piauí, que possuem, respectivamente, 2.802.753 e 2.340.051 eleitores. Agora são oito os estados, além do Distrito Federal, que concluíram a biometria: AL, SE, AP, GO, TO, RR, PB e PI. O recadastramento biométrico já alcançava 79.290.227 (54,21%) dos atuais 146.257.175 eleitores do país nesta segunda-feira (12).

Alagoas e Sergipe cadastraram todos os seus eleitores na biometria até 2012. Amapá e Distrito Federal terminaram o processo em 2014. Tocantins, Goiás, Roraima e Paraíba encerraram o recadastramento em 2017. E o Piauí terminou o cadastramento biométrico no estado no começo de março de 2018.

Dezessete capitais dos estados, mais o Distrito Federal, já encerraram o cadastramento biométrico de seu eleitorado. As capitais são as seguintes: Rio Branco, Maceió, Macapá, Manaus, Vitória, Goiânia, São Luís, João Pessoa, Curitiba, Recife, Teresina, Natal, Porto Velho, Boa Vista, Florianópolis, Aracaju e Palmas.

A Justiça Eleitoral prevê o cadastramento de todo o eleitorado brasileiro na biometria até 2022. As metas da biometria para os próximos anos são as seguintes: 9.824.597 eleitores este ano, 21.496.827 eleitores em 2019, 10.790.971 eleitores em 2020, 19.298.704 eleitores em 2021 e 10.332.912 eleitores em 2022.

Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!