Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

DestaquesParaíba

A postura chantagista do Republicanos que não engana ninguém

Não é de agora que o Republicanos vem criando casos e testando a paciência do governador João Azevêdo.

Uma aposta errada de João Azevedo e sua equipe de articuladores deixou que o Republicanos unisse dentro dele várias raposas políticas da Paraíba, fortalecendo a legenda e colocando o governador na parede. Foi assim durante toda a negociação para a entrada de Aguinaldo Ribeiro e o grupo do PP no apoio a reeleição de João, quando a todo momento era jogado na cara do deputado federal que ele não teria o apoio para as suas pretensões de concorrer ao Senado e as constantes pregações de amor a candidatura de Efraim Filho.

Os Republicanos não queriam Aguinaldo para o Senado mas queriam o apoio dele para o vice na majoritária de João Azevedo. Com a desistência de Ribeiro, a legenda e suas raposas foram colocados em xeque.

Após o deputado federal Aguinaldo Ribeiro (Progressistas) anunciar que não mais disputará o Senado Federal e que seu partido irá indicar a vice na chapa do governador João Azevêdo (PSB), os Republicanos, agora em uma nova frente começam novamente a criar caso, filiados passam a mandar recados  a João Azevedo de que a legenda não tem interesse no espaço destinado ao Senado na chapa.

Reunidos os Republicanos sentaram e não aceitam o Senado, só interessa a vice. As ameaças são no sentido de agradar em especial ao presidente da ALPB, Adriano Galdino, que já contava como certa a candidatura de Aguinaldo Ribeiro ao Senado e seu nome como vice, inclusive preparando o nome de sua filha para sucede-lo.

Esqueceram de avisar a Aguinaldo e ao PP, nos bastidores a pressão é evidente pois o soco no estômago, dado por Aguinaldo, ao não aceitar concorrer ao Senado, e imediatamente afirmar que indicará o vice,  pegou o partido de calças curtas e sem alternativa para forçar a indicação.

Uma das teses faladas nos bastidores é de que o partido estaria blefando para tentar pressionar o Governo João Azevedo e  outra tese aponta para a possibilidade de a legenda mudar de postura e indicar uma eventual vice na chapa de Pedro Cunha Lima (PSDB).

Errado foi João Azevedo que ao invés de fortalecer sua legenda deixou o Republicanos engrossar o pescoço e agora endurecer as exigências.

 
Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!