Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Mundo

Andy Fletcher, tecladista e fundador do Depeche Mode, morre aos 60 anos

Ao lado de Martin Gore e Vince Clarke, ele fundou uma das mais importantes bandas de synthpop da história

Andy Fletcher, tecladista inglês e membro fundador do Depeche Mode, morreu nesta quinta-feira, 26 de maio, aos 60 anos. A notícia foi confirmada no perfil oficial da banda nas redes sociais. A causa da morte não foi divulgada. “Fletch tinha um verdadeiro coração de ouro e estava sempre lá quando você precisava de apoio, uma conversa animada, uma boa risada ou uma cerveja gelada”, diz a nota.

Fletcher fundou o Depeche Mode no final dos anos 1970, em Basildon, na Inglaterra, junto com Martin Gore e Vince Clarke. A formação seria completa com a entrada do cantor Dave Gahan, com a saída de Vince Clarke, com a presença do tecladista e baterista Alan Wilder entre 1982 e 1995. O auge da fama do grupo ocorreu nos anos 1980, com o lançamento de Enjoy The Silence e I Fell You. Ao todo, o grupo vendeu mais de 100 milhões de discos e emplacou mais de 50 singles nas paradas do Reino Unido.

Com mais de 40 anos de fundação, a banda ainda continuava na estrada. Em 2018, o grupo fez shows lotados no Brasil pela turnê Global Spirit Tour. Em 2021, em entrevista a VEJA, o fotógrafo Anton Corbjin, que dirigiu o clipe Enjoy the Silence e lançou um livro de luxo pela editora Taschen com 500 fotos que fez do grupo, disse que no começo não gostava do som deles, mas que eles evoluíram de tal maneira que ficou impossível ignorar. Em 2020, o vocalista do Depeche, Dave Gahan, em seu discurso no Hall da Fama do Rock’n’roll, agradeceu a Corbijn “por nos fazer parecer descolados”.

Veja
 
Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!