Aras pede que Fux tire das mão de Gilmar Mendes decisões sobre cultos e mande para Nunes Marques

Aras pede que Fux tire das mão de Gilmar Mendes decisões sobre cultos e mande para Nunes Marques

Na tarde desta segunda-feira (5), o Procurador-Geral da República (PGR), Augusto Aras, pediu que o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, transfira a ação relatada por Gilmar Mendes, que manteve o fechamento de templos e igrejas em São Paulo, para o ministro Kassio Nunes Marques.

Na semana passada, Nunes Marques autorizou cultos e missas em todo o país mesmo durante a pandemia da Covid-19.

Mais cedo, Gilmar negou pedido para suspender decreto de São Paulo e de outros estados que proíbem a realização de cultos, missas e atividade religiosas presenciais.