Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Política

Auxílio Diesel de R$ 1.000 para caminhoneiros é confirmado; veja quando será pago

Governo também pretende aumentar o valor do Auxílio Brasil, cujo impacto orçamentário será de R$ 21 bilhões

O senador Fernando Bezerra (MDB-PE), também relator da nova PEC dos Combustíveis, anunciou recentemente que apresentará na segunda-feira, 27, o seu relatório junto à CCJ que traz a concessão de um vale diesel para os caminhoneiros no valor de R$ 1 mil.

 

Serão beneficiados com a medida aproximadamente 900 mil caminhoneiros autônomos. De acordo com o parlamentar, o objetivo é destinar cerca de R$ 22 bilhões que seriam utilizados na compensação da perda de arrecadação pelos estados e municípios com a desoneração do ICMS para o pagamento do auxílio para os caminhoneiros.

“O projeto [de redução do ICMS] ainda não produziu os efeitos que dele se espera. Após a sanção, a gente percebeu pelas iniciativas, que já estão formalizadas por parte dos estados, que eles se colocaram contrários à redução tributária, havendo iniciado ações de judicialização da matéria”, destacou Bezerra.

Impactos aos cofres públicos

Com a implementação do vale diesel, a previsão é de um custo de R$ 5,4 bilhões até o final do ano. Mas não para por aí. O governo também pretende aumentar o valor do Auxílio Brasil, cujo impacto orçamentário será ainda maior: de R$ 21 bilhões.

Para Bezerra, a elevação do Auxílio Brasil durante ano de eleições não pode ser enquadrado como crime eleitoral, visto que o programa já existe. No caso do voucher para caminhoneiros, o governo pretende decretar estado de emergência para evitar qualquer inferência junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

L Concursos

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!