Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Política

Bolsonaro: “Outro lado quer nos fazer escravos do poder”

Chefe do Executivo criticou ex-presidente Lula durante a Marcha para Jesus em Vitória (ES)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) criticou neste sábado (23) o ex-presidiário e pré-candidato do PT ao Palácio do Planalto, Luiz Inácio Lula da Silva, principal adversário na disputa. Sem citar o petista nominalmente, disse que o “outro lado” quer fazer os brasileiros “escravos do poder”.

 

“É uma luta do bem contra o mal. O outro lado quer banalizar o aborto, aprovar a ideologia de gênero. Quer liberar as drogas em nosso país. Quer nos fazer escravos do poder”, declarou durante a Marcha para Jesus em Vitória, no Espírito Santo. O evento foi organizado pelo Fenasp-ES (Fórum Evangélico Nacional de Ação Social e Política do Espírito Santo).

Pela manhã, o chefe do Executivo se reuniu com apoiadores nas proximidades do aeroporto de Vitória. Foi lá que se referiu pela 1ª vez a Lula como “outro lado”.

Além disso, fez críticas à administração da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).  Ao comparar seu governo com os antecessores, Bolsonaro disse que o “outro lado”perdeu 3 milhões de empregos.

“Terminamos 2020, entramos em 2021 e nesses 2 anos, foram criados no Brasil quase 3 milhões de empregos. Com crise, com seca, com geada. O outro lado, sem nada, perdeu 3 milhões”, declarou.

“Se vocês pegarem de 2014 para 2015, o Brasil perdeu 3 milhões de empregos. Alguém lembra qual foi a crise de 2014 e 2015? Crise da corrupção”, prosseguiu.

O chefe do Executivo esteve acompanhado de aliados políticos no Estado, como os pré-candidatos a governador Carlos Manato (PL) e a senador Magno Malta (PL).

No evento, Bolsonaro também falou sobre o aumento do preço dos combustíveis, em especial do diesel. Sem citar diretamente, responsabilizou Lula.

“O grande problema nosso é produzir a falta de diesel. […] Há uns 15 anos aproximadamente, um presidente começou a fazer 3 refinarias no Brasil. Enterrou mais de 90 bilhões de reais e não fez nenhum dessas propostas”, disse.

Terra Brasil Notícias

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!