24 de outubro de 2021
recadao@pagina1pb.com.br
DestaquesParaíba

Campina Grande vacina mais de 9 mil pessoas em Dia D da campanha de imunização contra covid-19

Neste sábado, 25, foi realizado o cia D da Campanha de imunização contra covid-19 na Paraíba. Em Campina Grande, a Secretaria Municipal de Saúde vacinou 9.073 pessoas, entre aplicações de primeiras, segundas e terceiras doses. O Dia D aconteceu em mais de 60 pontos espalhados pela cidade, com oferta de vacina sem a necessidade de agendamento prévio e para todos os grupos contemplados pelo Plano Nacional de Imunização atualmente.

Foram aplicadas 5.991 segundas doses de pessoas que estavam com previsão de receber a data de reforço neste sábado ou que já tinham passado da data para tomar a dose 2. Também foram administradas 2.824 primeiras doses, entre adolescentes de 17 anos e adultos de 18 anos acima retardatários. E ainda foram aplicadas 258 terceiras doses em idosos de 70 anos acima, que tomaram a D2 há mais de seis meses, bem como imunossuprimidos que receberam a D2 há mais de 28 dias.

Além da aplicação regular nos pontos de vacinação, foi realizada uma busca ativa, no período da noite, para fazer a administração de doses restantes do Dia D. Somente na busca ativa, que se estendeu até 23h, a Coordenação Municipal de Imunização conseguiu aplicar mais 73 primeiras doses.
“Foi realmente um dia muito importante na nossa campanha de vacinação.

Chegamos ao estágio de realizar um Dia D com livre demanda para ofertar em massa a vacinação para as pessoas que por algum motivo ainda não tinham se vacinado. O resultado é muito positivo”, disse o secretário de Saúde, Gilney Porto.
No geral, 285.211 pessoas já receberam a 1ª dose da vacina em Campina Grande, 6.265 tomaram dose única, 147.603 pessoas receberam a 2ª dose e 5.109 receberam a dose 3. Nesta segunda-feira, 27, a campanha deverá ser retomada.

Codecom

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!