Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Esportes

Campinense define programação para viagem à Bahia, onde enfrenta Flu de Feira

Aliviado com a vitória no último domingo, por 1 a 0, sobre o Itabaiana, agora o Campinense planeja emplacar mais três pontos na Série D, desta vez contra o Fluminense de Feira. De olho na terceira rodada da competição, agora fora de casa, a Raposa já tem definido o planejamento para a viagem rumo a Feira de Santana, no Centro-Norte baiano.

De Campina Grande para Feira de Santana são aproximadamente 805 km, um trajeto que levaria quase 11 horas de ônibus para ser percorrido. Para poupar os jogadores do longo período na estrada, o time vai de ônibus para Recife, de onde pega um voo com destino a Salvador.

A diretoria do Campinense organizou a logística do time para que haja treinos até a sexta-feira de tarde, visando maior tempo para ajustar os detalhes no grupo e apenas no sábado de manhã a equipe vai para à Bahia. Assim, a delegação rubro-negra viaja no sábado de manhã para Recife, onde embarca em voo para Salvador, e, de lá, vai de ônibus para Feira de Santana, quase 110 km distante da capital baiana.

Ainda na tarde desta quinta-feira, o Campinense realiza mais um treino em preparação para o confronto contra o líder do Grupo A8. A atividade vai acontecer no Estádio Romeirão, no distrito de Galante. Ao longo da semana, a comissão técnica da Raposa vem realizando seus treinos em outros campos de Campina Grande e cidades vizinhas.

Fluminense de Feira e Campinense se enfrentam na tarde deste domingo, às 16h, no Estádio Joia da Princesa. O Tricolor é o atual líder do grupo, com 6 pontos e em duas partidas marcou sete gols.

Já a Raposa, é o atual segundo colocado da tabela, com três, mesma pontuação do Atlético. Entretanto, com a derrota do time pernambucano no jogo dessa quarta-feira, o Campinense, que estava em terceiro, assumiu a segunda colocação, e agora visa o topo.

GE Paraíba

 
Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!