27 de setembro de 2021
recadao@pagina1pb.com.br
Esportes

Clubes ingleses serão punidos por impedir brasileiros de defender a Seleção nas Eliminatórias

Os clubes ingleses que se recusaram a liberar jogadores convocados pela seleção brasileira serão impedidos de usar esses jogadores por mais cinco dias depois do fim da data Fifa. O mesmo vale para o Zenit. A informação de que o clube russo seria punido foi publicada primeiro por Fabio Aleixo, jornalista brasileiro radicado em Moscou.

Na prática isso quer dizer que Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United e Leeds United vão jogar desfalcados dos jogadores brasileiros na próxima rodada do Campeonato Inglês.

Os jogadores afetados são Alisson, Fabinho e Roberto Firmino (Liverpool), Ederson e Gabriel Jesus (Manchester City) Thiago Silva (Chelsea), Fred (Manchester United), Raphinha (Leeds United), Claudinho e Malcom (Zenit).

A punição dura de 10 a 14 de setembro (próxima terça-feira), o que vai afetar também dois jogos da Liga dos Campeões marcados para o dia 14. O Manchester United não vai poder usar Fred contra o Young Boys da Suíça. A partida entre Chelsea e Zenit não terá Thiago Silva, Claudinho e Malcom.

A Fifa não trata o caso como “punição”, mas como o cumprimento do que diz o regulamento da entidade, que obriga os clubes a liberar jogadores chamados para as datas Fifa.

No entanto, a Fifa só age quando as associações nacionais de futebol pedem. Foi o que a CBF fez no caso desses jogadores. O Uruguai, por exemplo, dez diferente com Cavani e o desconvocou para os jogos de setembro das Eliminatórias.

A CBF agiu diferente com o atacante Richarlison, do Everton. A relação com clube é boa desde antes das Olimpíadas, evento para o qual o jogador foi liberado apesar de isso não ser obrigatório pelas regras da Fifa. Como a CBF não pediu, o Everton não será punido.

Todos os jogadores estão cientes da posição da CBF – o que não garante que todos estejam satisfeitos, afinal correm o risco de não poderem entrar em campo por seus clubes por um ou dois jogos.

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!