CMCG realiza aprovação de inúmeros projetos de lei

 

A Câmara de Vereadores de Campina Grande aprovou 61 projetos de lei durante o período de votação prolongado nesta quarta-feira (14). Dentre as matérias aprovadas, três são projetos de resolução, um é projeto de lei complementar e o maior volume é de projetos de lei ordinária, 57 no total.

Três projetos geraram maior tempo de discussão e por isso foi necessário a prorrogação da sessão. Um dessas matérias trata da proibição de caixas eletrônicos em repartições públicas municipais. Esta proposta é de autoria do vereador Márcio Melo Rodrigues (DC) que justificou a iniciativa afirmando que a norma vai trazer mais segurança para funcionários e pessoas em geral que utilizam as repartições, além de preservar o patrimônio público.

Outro projeto que rendeu um bom tempo de debate foi uma proposta do vereador Pimentel Filho (MDB) que restabelece o dia 24 de junho (Dia de São João) como ponto facultativo no município de Campina Grande e retira dessa data a condição de feriado regional.

“A Câmara faz o seu papel de debater matérias importantes para a cidade de Campina Grande, de forma que estamos todos empenhados em aprovar o que é de interesse da população”, frisou a presidente Ivonete Ludgério.

Um terceiro projeto de lei que tomou tempo das discussões da sessão desta quarta-feira na Casa de Felix Araújo foi uma proposta do vereador Márcio Melo que obriga a todos os edifícios construídos em Campina Grande, a instalação de redes de proteção em janelas, sacadas, mezaninos, varandas e corredores.

A vereadora Ivonete Ludgério disse que vários outros projetos de lei entrarão na pauta de votação na semana que vem porque ainda dependem de parecer das comissões respectivas e também de ampla discussão em plenário.

Dirp./CMCG

Load More Related Articles
Comments are closed.