28 de novembro de 2021
recadao@pagina1pb.com.br
Cidades

Em CG, Semas confirma que mais de 28 mil familias estão vivendo em situação de pobreza

Mais de 28 mil famílias em Campina Grande estão vivendo em situação de pobreza, ou extrema pobreza, ou seja, passando fome. O número é assustador, mas verídico, confirmado pelo Secretário de Assistência Social, Valker Neves Sales, na manhã desta sexta-feira, 15. 

“Estamos atravessando um momento muito difícil, ainda em virtude da pandemia, um momento delicado. Também com o aumento da inflação, a crise tem afetado as pessoas que perdem o emprego e o poder de compra e com isso aumenta também o percentual de campinenses que não tem o que comer. Em dados coletados pelo Ministério da Cidadania, pós-fevereiro deste ano foi registrado que mais 28 mil famílias na cidade estão em situação de pobreza ou extrema pobreza. Um número alarmante e que tem nos preocupado”, revelou. 

Sobre as políticas públicas implementadas para a construção da segurança alimentar dessas famílias, o secretário informou que estão sendo doadas cestas básicas, e em parceria com o Sine municipal está sendo feito um cadastro para que os chefes de família possam ter um possível retorno ao mercado de trabalho. 

“Estamos dando suporte através do  Centro de Referência e Assistência Social (CRAS), para que essas famílias recebam os benefícios eventuais que são as cestas básicas. O assistente social visita a casa e ao constatar a dificuldade econômica no local faz o cadastro para o benefício. Ainda estamos em parceria com o Sine para ver se essas pessoas conseguem um emprego. Essa é uma realidade muito difícil, tem sido um grande desafio pra nós dar o suporte que a nossa Campina Grande precisa. São dias delicados, temos feito esforços para atender infelizmente não todos, mas o máximo possível!”, relatou.

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!