Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

DestaquesEsportes

Flamengo goleia Juventude na estréia de Everton Cebolinha

Empurrado por mais de 65 mil torcedores, o Flamengo teve início avassalador no duelo com o Juventude e construiu a vitória já nos 20 primeiros minutos no estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF). O Rubro-Negro apenas administrou a vantagem e, no fim, goleou os gaúchos por 4 a 0, nesta quarta-feira (20), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O triunfo foi estabelecido com gols de Pedro (2), Everton Ribeiro e Lázaro. O duelo em Brasília marcou a estreia de Everton Cebolinha com a camisa flamenguista.

 

Foto: Ascom/ CBF

Foto: Ascom/ CBF

Curiosamente todos os quatro gols saíram de cabeça, em jogadas feitas pelo lado direito. O Juventude não tomou conhecimento do time carioca, que apresentou uma força física devido ao descanso na última rodada. Não à toa, João Gomes e Pedro foram as primeiras alterações de Dorival Júnior, visto que foram titulares nas últimas partidas.

A vitória fez o Flamengo chegar aos 27 pontos e mirar o G6 para iniciar o segundo turno do Brasileirão. Com Dorival, o clube carioca chegou ao oitavo triunfo na competição e esboça uma reação em busca do título.

O JOGO DO FLAMENGO

O Flamengo foi a campo com a escalação titular e mostrou a força do elenco já no primeiro tempo. Aos 20 minutos, o Rubro-Negro já tinha 3 a 0 no placar. Um bom jogo do lado direito entre Rodinei, Everton Ribeiro e Gabi, que também se aproximou da posição. Criativo e envolvente, o clube carioca praticou o perde e pressiona e não correu perigo.

Dorival mexeu na equipe logo no intervalo. Vitinho e Cebolinha entraram no segundo tempo. O camisa 19 faz a sua estreia e, mesmo sem ritmo de jogo, protagonizou alguns lances importantes. O estreante, inclusive, mudou o jogo do Flamengo, visto que movimentou o lado esquerdo, já que o lado direito vinha tendo destaque.

O JOGO DO JUVENTUDE

O Juventude não conseguiu administrar a pressão do Flamengo no primeiro tempo. Foram três gols do Rubro-Negro em 20 minutos e nenhum atacante de perigo ao goleiro Santos. A equipe de Umberto apresentou pouca transição e Capixaba e Elton entraram ainda no primeiro tempo. Os gaúchos ficaram com um a menos após a expulsão de Jadson.

A exemplo do que aconteceu no primeiro tempo, o Juventude teve muita dificuldade na criação. Em sua grande maioria, as oportunidades vieram após erros do Flamengo. Sem Jadson, expulso no primeiro tempo, ficou complicado para a equipe de Humberto Louzer reagir. Os gaúchos viram os cariocas administrarem a vantagem no segundo tempo.

CRONOLOGIA

Foram cinco minutos de pressão até o Flamengo marcar o primeiro gol aos 5min. O uruguaio participou da troca de passes e cruzou na segunda trave para o atacante, que cabeceou firme. O goleiro César tentou uma defesa, mas a bola já tinha ultrapassado a linha.

Gabi roubou a bola na direita, deixou o adversário no chão e ficou livre para cruzar na área. Arrascaeta subiu desequilibrado e o goleiro fez a defesa!

O Flamengo manteve o domínio e em uma troca de passe entre Rodinei e Everton Ribeiro no lado direito, o camisa 7 fez um cruzamento na medida para Pedro. O atacante de novo na segunda trave colocou a bola na rede aos 12min.

Em mais uma troca de passe no lado direito, Gabi cruza na medida para Everton Ribeiro marcar de cabeça aos 17min.

Aos 34 minutos, o Flamengo ficou pouco mais de um minuto trocando passes. A bola rolou em todos os setores do campo e, pelo lado direito, Everton Ribeiro arriscou o chute, que passou perto do travessão de César.

No fim do primeiro tempo, Jadson cometeu uma falta por trás no Gabigol – que matou a jogada – e quando o atacante do Flamengo recebeu um golpe do jogador do Juventude. O árbitro aplicou o cartão vermelho na hora.

Com o placar encaminhado desde o primeiro tempo, o Flamengo manteve a boa atuação na segunda etapa, dominou o meio, trocou passes e viu Cebolinha movimentar o lado esquerdo em jogadas individuais. O novo reforço entrou em lugar de Pedro

Para rodar a equipe, Dorival acionou Lázaro, Victor Hugo e Matheus França aos 31 do segundo tempo. Enquanto isso, Gabi, Arrascaeta e Everton Ribeiro foram para o banco.

Movimentando o lado esquerdo, Cebolinha fez uma jogada e cruzou na medida para Lázaro marcar mais um gol de cabeça aos 41min. O ‘debutante’ deixa o gramado com uma assistência.

Na próxima rodada, o Flamengo encara o Avaí, na Ressacada, no domingo (24), às 11hrs (de Brasília). O Juventude enfrenta o Ceará, no domingo (24), às 16h, no Alfredo Jaconi. Ambas partidas são pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FLAMENGO
Santos; Rodinei, David Luiz, Léo Pereira, Filipe Luís, João Gomes (Vitinho), Thiago Maia, Arrascaeta (Victor Hugo), Everton Ribeiro (Matheus França), Pedro (Everton Cebolinha) e Gabi (Lázaro). T.: Dorival Júnior

JUVENTUDE
César; Rodrigo Soares, Thalisson, Rafael Forster e Moraes; Yuri, Jadson, Paulo Henrique (Parede), Edinho (Capixaba), Marlon (Elton), Ricardo Bueno (Pitta). T.: Umberto Louzer

Estádio: Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)
VAR: Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN)
Cartões amarelos: Ricardo Bueno (Juventude), Gabigol (Flamengo), Léo Pereira (Flamengo), Pitta (Juventude), Thiago Maia (Flamengo)
Cartões vermelhos: Jadson (Juventude)
Gols: Pedro, aos 5min e aos 12min do primeiro tempo, e Everton Ribeiro, aos 17min do primeiro tempo, e Lázaro, aos 41min do segundo tempo

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!