15 de outubro de 2021
recadao@pagina1pb.com.br
DestaquesParaíba

Governo distribui 270 mil doses para os municipios paraibanos nesta sexta

O governador João Azevêdo anunciou, nesta quinta-feira (15), durante a live do Orçamento Democrático das regiões polarizadas por Campina Grande, Patos e Monteiro, a distribuição de 269.990 doses da vacina Astrazeneca para todos os municípios da Paraíba nesta sexta-feira (16). A iniciativa tem o objetivo de imunizar o maior número de paraibanos com a primeira dose (D1) nos próximos dias e evitar casos graves da Covid-19.

“Esta será a maior distribuição de vacinas para a primeira dose no nosso estado. Quanto mais gente nós vacinarmos, mais vamos poder reduzir os casos graves de complicações por causa do novo coronavírus e de suas variantes, inclusive a variante Delta. São paraibanos e paraibanas que vão poder ser vacinados em todos os municípios do estado”, explicou.

Assista ao anúncio aqui

O gestor destacou que a decisão técnica teve como base estudos científicos importantes. “Vamos acelerar o ritmo para salvar vidas. Com mais vacinas, o uso de máscara e o distanciamento social vamos poder retomar a vida normal mais rapidamente”, comentou.

Ele ainda fez um apelo aos gestores municipais para agilizar a vacinação. “Vamos proteger as pessoas. A vacina precisa estar no braço das pessoas para vencermos essa luta o mais breve possível”, concluiu.

De acordo com boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES), a Paraíba já aplicou 2.097.968 doses das vacinas contra a Covid-19, das quais 1.489.063 são da primeira dose e 608.905 da segunda dose.

O avanço da vacinação tem resultado na diminuição de internações em todas as macrorregiões de saúde do estado. Na região polarizada pela Grande João Pessoa, a ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) é de 31%; em Campina Grande, 37%; e no Sertão, 46%. A ocupação de leitos de enfermaria é de 28% em todo o estado.

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!