Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Economia

Mais de 66 milhões de brasileiros estão inadimplentes

Uma comprovação da crise braba que está atingindo os brasileiros foi liberada pela Serasa Experian. O indicar de inadimplência chegou a um patamar recorde de consumidores com o nome do vermelho em abril (66.132.670), o maior número desde 2016, quando começaram os registros da série histórica.

Os valores são elevados. A soma das dívidas chegou a R$271,6 bilhões.

Conforme os dados do perfil das dívidas, o segmento de bancos e cartões é dono de 28,1% dos débitos em atraso, enquanto as contas básicas como água, luz e gás representam 22,9%. Outras dívidas são do varejo (12,5%), financeiras (12,4%), serviços (10,4%), telefonia (7,3%), seguros (2,1% e outros 4,3%).

Apesar da liberação de saques do FGTS e antecipação do 13º de aposentados, a instabilidade econômica do país vem maltratando amplos segmentos sociais do país. Pior é que, embora se fale, vez por outra, de recuperação da economia, não existem sinais de melhoria.

De estarrecer é que, enquanto a população padece, os políticos só pensam nas eleições e numa forma de tirar proveito das dificuldades dos eleitores. Sem dó.

Josival Pereira

 
Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!