Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Brasil

Ministério da Saúde confirma 696 casos de varíola dos macacos no Brasil

Estado de São Paulo é o mais afetado, com 506 infecções; OMS declarou emergência de saúde global para a doença neste sábado (23).

O Ministério da Saúde confirmou 696 casos de varíola dos macacos, ou “monkeypox”, no Brasil, segundo informações deste sábado (23).

 

O estado que acumula o maior número de infecções é São Paulo, com 506 casos. Na sequência vem Rio de Janeiro (102), Minas Gerais (33), Goiás (14), Distrito Federal (13), Paraná  (11), Bahia (3), Rio Grande do Sul (3), Pernambuco (3), Ceará (2), Rio Grande do Norte (2), Espírito Santo (2), Mato Grosso do Sul (1) e Santa Catarina (1).

O ministério afirmou, em nota, que mantém articulação direta com os estados para monitoramento dos casos e rastreamento dos contatos dos pacientes.

Ainda neste sábado (23), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou emergência de saúde pública global para a varíola dos macacos.

“Acreditamos que isso possa mobilizar o mundo a agir em conjunto. Precisamos de coordenação e solidariedade para que sejamos capazes de controlar a varíola dos macacos”, afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, em uma coletiva de imprensa em Genebra.

Por meio de nota, o Ministério da Saúde informou que “todas as medidas hoje anunciadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) já são realizadas pelo Brasil desde o início de julho de forma a realizar uma vigilância oportuna da doença”.

Apesar do nome da infecção, macacos não são responsáveis pela transmissão da varíola. Na verdade, ele são vítimas dos vírus tais quais os seres humano. A varíola dos macacos é uma doença transmitida principalmente pelo contato íntimo e troca de secreção entre pessoas.

Terra Brasil Notícias

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!