Ministério da Saúde habilita nove leitos de UTI abertos pela Secretaria de Saúde de Campina Grande

Ministério da Saúde habilita nove leitos de UTI abertos pela Secretaria de Saúde de Campina Grande

O Ministério da Saúde reconheceu e habilitou, nesta semana, o funcionamento de nove leitos de UTI abertos pela Secretaria de Saúde de Campina Grande para atendimento exclusivo aos pacientes graves da covid-19. Os leitos foram contratualizados e abertos desde o ano passado, no Hospital João XXIII, e reativados neste mês de março de 2021.

Com essa medida a Secretaria Municipal de Saúde passa a receber pelo custeio dos leitos que, durante quase um ano de pandemia causada pela covid-19, o financiado aconteceu pela própria pasta. O valor da manutenção dos nove leitos de UTI ultrapassa R$ 432 mil.

“É um suporte importantíssimo, que chega num momento essencial. Mantivemos o funcionamento desses leitos durante todo este tempo e agora vamos passar a receber esse aporte. É também um reconhecimento ao trabalho que vem sendo feito porque, para autorizar a habilitação, é feita uma análise criteriosa do enfrentamento à pandemia na cidade, do corpo técnico do hospital e das condições dos leitos”, explicou o secretário de Saúde de Campina Grande, Filipe Reul.

Os leitos são para os pacientes com diagnóstico positivo do novo coronavírus e com sintomas graves, principalmente para os que têm problemas cardíacos, porque o Hospital João XXIII é referência para o atendimento em cardiologia. Dos nove leitos, atualmente seis estão ocupados.

Além da reabertura da estrutura do Hospital João XXIII, a Secretaria segue reforçando a rede de atendimento a pacientes com covid-19. No Complexo Hospitalar Municipal Pedro I foram abertos 10 novos leitos de UTI e 6 de enfermaria. E outros 14 leitos de UTI devem ser abertos posteriormente.

Codecom