Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Brasil

Nordeste bate dois recordes em geração instantânea de energia limpa

A região Nordeste já acumula dois recordes resultantes de dois picos inéditos de geração de energia limpa.

No dia 8 de julho, as turbinas eólicas produziram 14.167 megawatts (MW) – valor equivalente a 123,2% da demanda na região. A princípio, isso significa que a quantidade de energia produzida naquele momento era suficiente para suprir as necessidades de todo o Nordeste por um minuto.

 

Ainda por cima, sobrava ainda uma porcentagem de 23,2%, que poderia ser exportada para o restante do país.

Já no dia 12 de julho, a região produziu 2.963 MW solares, batendo um novo recorde de geração instantânea (pico de geração). A quantidade produzida em apenas um minuto era o bastante para abastecer 27,5% do Nordeste.

Os dados são do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). De toda forma, julho já tem a fama na Região por suas intensas ventanias, que sopram ainda mais fortes no litoral. Ambos os recordes foram os primeiros registrados para 2022, mas podem não ser os últimos.

NE9

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!