Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Brasil

Trabalhadores receberão R$ 13,2 bilhões em divisão do lucro do FGTS; calcule

A distribuição de R$ 13,2 bilhões do lucro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em 2021, aprovada nesta sexta-feira (22) pelo Conselho Curador do fundo, será dividida proporcionalmente entre os cotistas. É o maior valor desde que o dinheiro começou a ser dividido. Com isso, quanto maior o saldo da conta vinculada ao FGTS, mais o trabalhador terá a receber.

Atualmente, 106,7 milhões de trabalhadores possuem contas vinculadas ao FGTS, e existe um total de 207,8 milhões de contas com saldo. O pagamento será feito mediante crédito nas contas do FGTS que tinham saldo no dia 31 de dezembro de 2021. O índice de distribuição será de 0,02748761 sobre o saldo na conta nesta data. (veja o cálculo abaixo)

 

A rentabilidade do FGTS é fixa, de 3% ao ano. Desde 2017, porém, os trabalhadores recebem parte dos lucros do Fundo de Garantia, que resultam dos juros cobrados de empréstimos a projetos de infraestrutura, saneamento e crédito da casa própria. A distribuição melhora o rendimento dos recursos depositados no fundo.

O repasse será distribuído de forma proporcional ao saldo das contas vinculadas no dia 31 de dezembro de 2021. Quanto maior o saldo, maior o lucro recebido. Para saber quanto será depositado, é preciso multiplicar o saldo de cada conta em seu nome em 31 de dezembro do ano passado por 0,02748761.

Por exemplo: quem tinha R$ 100 receberá R$ 2,75; quem tinha R$ 1 mil terá R$ 27,49 creditados; quem tinha R$ 2 mil como saldo terá crédito de R$ 54,98; e quem tinha R$ 5 mil no fim de 2021 terá R$ 137,44 creditados e assim por diante.

Embora seja pago em 2022, o rendimento é referente a 2021. Assim, os depósitos serão feitos considerando o valor nas contas em 31 de dezembro de 2021. Quem sacou depois disso (por ter sido demitido ou para compra da casa própria, por exemplo), não perde o rendimento. Já quem fez saque antes da virada do ano vai receber só proporcionalmente ao dinheiro que tinha na conta no último dia do ano passado.

G1

Blog do Bruno Lira

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!