28 de novembro de 2021
recadao@pagina1pb.com.br
DestaquesParaíba

Vereadores Aldo Cabral, Janduy Ferreira e Saulo Noronha querem mudança nas alíquotas de ICMS sobre combustiveis

Os vereadores campinense Saulo Noronha (Solidariedade), Aldo Cabral e Janduy Ferreira ambos do PSD, aproveitaram a sessão desta quinta, 14, para cobrar uma diminuição dos impostos estaduais cobrados sobre os combustíveis. Reclamando dos sucessivos aumentos que principalmente o diesel e a gasolina vem recebendo. A gasolina é vendida por mais de R$ 6 o litro. 

Aldo Cabral afirmou que os 29% de ICMS cobrado sobre os combustíveis na Paraíba é um absurdo e destacou que no governo Ricardo Coutinho, a alíquota era 27% e subiu para 29%, com o famigerado 2% destinados ao fundo de pobreza. “Não se admite mais o que vem acontecendo no país, quando temos um litro de gasolina por mais de R% 6, sabemos que quase 30% é do ICMS e por isso o governador poderia diminuir, além da forma como se cobra esse imposto com valor presumido, não dá, se esses 2% fossem realmente distribuído para os pobres até que aceitava-se, precisamos mudar a politica de preços dos combustíveis”, afirmou Aldo Cabral.

Aldo Cabral (PSD) aproveitou para destacar que a carga tributária esta empobrecendo a população como um todo, desde da agua, passando pela conta da energia.

Janduy Ferreira (PSD) aproveitou para destacar que os empresários estão sufocados, pois os insumos aumentaram de valor, os impostos estão dificultando ainda mais a produção no país. “Desde um Micro empreendedor até chegar aos grandes empresários as dificuldades com tanto imposto atrapalha e termina inibindo a criação de emprego e renda, o peso dos impostos sobre combustíveis, agua, energia e outros insumos indispensáveis a geração de produção esta demais, somos engolidos por tanto tributo”, disse Janduy.

Os vereadores afirmaram que pretendem criar uma comissão para elaborar um documento que deverá ser entregue ao governador João Azevedo para solicitar a diminuição do ICMS sobre os combustíveis. “Vamos criar um documento solicitando medidas do governo do estado para que a carga tributária sobre os combustíveis possa ser diminuída, possibilitando a diminuição dos preços da gasolina na bomba, beneficiando o consumidor paraibano”, completou Saulo Noronha.

Aldo Cabral afirmou que com a pandemia, o Brasil e o mundo vive um momento de guerra, e que a crise econômica precisa ser controlada. “O momento é de sacrifício, mas os mais carentes não podem sofrer mais, a economia precisa ser discutida e destinada para o bem estar do cidadão”, completou Aldo Cabral.

 

Redação Página1 PB
Fundado em junho de 2017, o Página1 PB é um portal de notícias sediado em Campina Grande (PB), que tem compromisso com o verdadeiro jornalismo. Afinal, o Jornalismo mudou. Mas a verdade não!